segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

10 coisas que você compraria na hora

1- Tampa para qualquer tipo de pacote

1

2- Prepare ovos com extrema facilidade

2

3- Guarde suas cervejas sem ocupar muito espaço

3

4- Nunca mais se queime no chuveiro

4

5- Seu filho dorme com segurança e você também consegue dormir

5

6- Nunca mais perca as chaves

6

7- As batatas do Fastfood no porta-copos do seu carro (e com espaço pra ketchup!)

7

8- Recarregue seu celular em tomadas altas sem problemas

8

9- Bicicleta retrátil pra guardar em qualquer lugar

9

10- Leve sua cadeira pra qualquer lugar dentro da mala! Ah, não… Pera!

11
Fonte: http://www.tudointeressante.com.br

domingo, 12 de fevereiro de 2017

5 ideias de sorvete caseiro

Sorvetes e picolés são sempre bem vindos, principalmente no verão. Separamos algumas imagens de ideias para vocês criarem seu próprio:






Fonte: Pinterest

domingo, 5 de fevereiro de 2017

Como se organizar para ter um cão


Sonhando em ter um cachorrinho de estimação?



Sonhando em ter um cachorrinho de estimação? Há várias raças, cada uma com características diferentes. Mas antes de se decidir entre um deles lembre-se de uma coisa: os animais não são objetos dos quais podemos nos desfazer pelo simples mudar de gosto ou ideia. Chegam tomando espaço na casa inteira e também em nosso coração. Prepare-se para recebê-los sem se arrepender depois.
 
Brinquedos
Adquira todos os itens necessários antes de trazer seu filhote para casa. 
Ele vai querer brincar com sapatos, meias, poltronas, portas e qualquer outra coisa que possa mordiscar. 
Por volta dos seis meses é importante que você compre brinquedos próprios para este fim, já que os dentes definitivos começam a nascer.
 
Certifique-se que o brinquedo não seja de material sintético, não tenha partes metálicas e que tenha tamanho apropriado.
 
Tigela de comida
Preste atenção também na escolha da tigela de comida. 
Se ela for muito pequena seu cão não vai conseguir abrir a boca totalmente para se alimentar, terminando por virar a tigela e espalhar a ração no chão. 
As tigelas devem sempre ficar a altura do peito de seu animal para maior conforto então, à medida que ele cresce, ela deve ser suspensa do chão, evitando que seu bichinho engula ar enquanto come (aerofagia). As pet shops estão equipadas com mesas apropriadas para todos os tipos de portes de cães.
 
Área de dormir
Na hora de escolher um lugar para seu cãozinho dormir, dê preferência a locais onde ele possa se refugiar quando houver visitas em casa, quando estiver doente ou quando alguma criança o estiver perturbando. 
A área de serviço do apartamento – ou a lavanderia da casa – é o espaço mais adequado para hospedá-lo nos primeiros três meses, até que comece a se ambientar. 
Se a porta da cozinha ficar permanentemente aberta, apele para um portãozinho. 
 
Cama
Quanto à cama, evite as feitas com vime, pois eles podem roê-las e acabar engolindo farpas e fragmentos perigosos para o trato digestivo. 
Evite também as de náilon e plástico flexível, pois podem ser tóxicas. 
Procure as feitas de tecido a base de algodão ou outras fibras naturais que sejam laváveis e sem botões que possam ser engolidos. 
Camas de fibra ou plástico endurecido também são boas opções para seu cãozinho, pois são facilmente laváveis. Para torná-las mais confortáveis, use uma manta ou cobertor feito de algodão. O tamanho deve ser adequado à raça e não esqueça que os cães dormem encolhidos. 
 
Casas
As casas de fibra são as melhores opções, pois são facilmente laváveis. 
As que são feitas de madeira trazem muitos problemas: facilitam a proliferação de pulgas e carrapatos nas frestas, absorvem umidade e urina e duram menos do que as de fibra sintética. 
Se preferir acomodar seu cão dentro de uma casinha no quintal, procure o material adequado.
 
Organize-se
Antes mesmo de adotar um cachorrinho, procure definir algumas tarefas entre as pessoas da casa.
Quem vai cuidar da sua alimentação? Quem vai cuidar da higiene? Quem vai levá-lo para passear?
 
Segurança
Verifique na sua residência se existe algum fio elétrico solto ou objetos frágeis que possam ser derrubados facilmente. Seu animal doméstico pode causar acidente com eles. Muito cuidado ao guardar materiais de limpeza, pesticidas, raticidas, pois essas substâncias são perigosíssimas. Até mesmo alimentos comuns e plantas podem causar problemas para a saúde do seu cachorro. Medicamentos destinados a seres humanos não devem, em hipótese alguma, ser utilizados para o tratamento de seu animal doméstico. Qualquer substância estranha ao corpo do animal pode ser fatal. Fique sempre atento com o comportamento do seu cão para detectar se ele está doente ou se machucou de alguma forma. Neste caso, leve-o ao veterinário. 
 
DICA
Quando o cachorro fizer xixi dentro de casa, limpe logo com vinagre ou produtos específicos para eliminar o cheiro. Pimenta-do-reino também age como repelente. Não maltrate seu bichinho: esfregar seu nariz no xixi e gritar com ele não adianta nada, só vai apavorá-lo.

Fonte: www.organizesuavida.com

domingo, 29 de janeiro de 2017

13 receitas de sopas maravilhosas para fugir da dieta

1. Sopa de frango com brócolis e queijo no pão.

Sopa de frango com brócolis e queijo no pão.
Nada melhor no frio do que uma sopa no pão, se ela tiver queijo então, melhor ainda. Essa receita é ainda turbinada com brócolis e frango. Duvidamos que a fome bata depois.

2. Sopa de cebola gratinada.

Sopa de cebola gratinada.
Se você é daqueles que não é muito ligado em uma cebola é porque ainda não experimentou essa receita que leva, além da cebola caramelizada, vinho e queijo. É um pouco trabalhosa mas vale cada minuto dedicado ao preparo. Veja aqui.

3. Sopa asiática.

Sopa asiática.
Não, sopa não é tudo igual. Prova disso é a wonton, uma sopa asiática. O preparo é simples, apenas utilizando uma panela normal para cozinha. A dificuldade mesmo só na hora de encontrar a massa própria para wonton, que é vendida em lojas de produtos orientais. Veja aqui.

4. Sopa de feijão branco ao molho pesto.

Sopa de feijão branco ao molho pesto.
E que tal fugir das receitas clássicas apostando em uma sopa de tomate com feijão branco e pesto? E o melhor? Usa só uma panela. Veja receita completa aqui.

5. Sopa de mandioquinha, bacon e laranja caramelizada.

Sopa de mandioquinha, bacon e laranja caramelizada.
Quem curte uma cozinha também pode incrementar receitas clássicas como a de mandioquinha. Nessa receita você descobre como inserir bacon e laranja caramelizada.

6. Sopa cremosa de milho verde e frango.

Sopa cremosa de milho verde e frango.
Essa receita de 14 passos super fáceis cai como uma luva para uma jantarzinho mais parrudo. Recomenda-se comer em frente à televisão com uma bela coberta.

7. Caldo verde.

Caldo verde.
Não sabe como deixar o clássico junino cremosinho? Então clique aqui e descubra.

8. Sopa de tomate com manjericão.

Sopa de tomate com manjericão.
Que tal dar um toque gourmet na sua cozinha fazendo uma sopa de tomate? O melhor é que, se você curtir, a receita pode ser servida fria no verão. Confira aqui.

9. Sopa dos Deuses.

Sopa dos Deuses.
A receita da Bela Gil leva abóbora, cenoura, batata doce e gengibre, ou seja, é para quem tem um paladar para pratos agridoces. Veja aqui.

10. Sopa de cebola com massa folhada.

Sopa de cebola com massa folhada.
Quer elevar a sopa a um outro nível? Aposte nesta receita de sopa de cebola com massa folhada.

11. Sopa cremosa de shitake com alho poró.

Sopa cremosa de shitake com alho poró.
Ok, a gente não pode incentivar só as receitas super calóricas, então que tal investir em uma sopinha super saborosa de creme de shitake com alho poró? Veja aqui.

12. Sopa de músculo.

Sopa de músculo.
Agora, se você quer sustância mesmo pode investir em uma sopa de músculo. Ultra saborosa e baratinha, é uma receita que leva um tempinho e precisa de panela de pressão, mas vale a pena. Confira aqui.

13. Sopa creme de palmito.

Sopa creme de palmito.
Essa receita tem cinco passos e é uma das coisas mais simples do mundo, além de super saborosa. Veja aqui.


domingo, 22 de janeiro de 2017

25 Alimentos à Base de Soja


Como uma fonte versátil de alimentos, a soja é um dos melhores alimentos a serem consumidos. Embora possa ser consumida inteira após ser cozida ou assada, a maioria dos grãos de soja são transformados em uma grande variedade de alimentos.
Além disso, um grande número de alimentos que as pessoas utilizam no dia a dia podem conter soja, como o óleo de soja, muitas vezes chamado de óleo vegetal, a lecitina concentrada de proteína de soja, entre outros. Abaixo confira a lista dos alimentos ricos em soja mais comuns encontrados no mercado e consumidos pelas pessoas.

Onde encontrar alimentos ricos em soja

Os alimentos à base de soja mais populares, tais como tofu, alternativas à carne, molho de soja, farinha de soja e óleo de soja podem ser encontrados em supermercados. Porém, em lojas de produtos naturais você poderá encontrar uma maior variedade de alimentos à base de soja. As lojas de produtos asiáticos contêm a maior parte desses alimentos utilizados na Ásia Oriental. Vários produtos, como a farinha de soja texturizada, texturizados concentrados de proteína de soja, amendoim de soja e manteiga de amendoim de soja, podem ser obtidos através de catálogos de venda por correspondência.

Os alimentos à base de soja mais populares

A soja é originária da China e já é conhecida há mais de 5 mil anos. Ao longo dos anos ela foi disseminada por outros países e tornou-se um produto bastante conhecido e passou a integrar a dieta de milhares de pessoas, tornando-se a refeição principal dos vegetarianos.

A soja, quando embebida, produz um líquido chamado leite de soja, que é um excelente substituto do leite de vaca. O leite de soja fortificado é uma excelente fonte de proteína de alta qualidade e de vitaminas do complexo B.Por trazerem inúmeros benefícios ao organismo devido às propriedades funcionais, estes alimentos à base de soja são indicados para consumo não só de vegetarianos, mas qualquer pessoa que deseja viver de forma mais saudável.

1. Leite de soja
O leite de soja é mais comumente encontrado em embalagens assépticas (não-refrigerado), mas também pode ser encontrado em galões na área de laticínios do supermercado. O leite de soja é também vendido como um pó, que pode ser misturado com água. Produtos naturalmente concentrados possuem um sabor muito melhor do que os produtos de leite de soja comercializados em mercados.

2. Tofu

Tofu, também conhecido como a coalhada de soja, é um alimento semelhante ao queijo, macio e feito através de um processo de refrigeração da soja. É um produto suave que absorve facilmente os sabores de outros ingredientes com os quais ele interage durante o cozimento. O tofu é rico em proteínas de alta qualidade, vitaminas B e possui baixo teor de sódio. O tofu possui uma textura firme e sólida e pode ser utilizado em cubos em sopas, fritos ou grelhados.
O tofu firme possui o teor mais elevado de proteína, gordura e cálcio que outras formas de tofu. O tofu soft é bom para receitas que pedem tofu misturado. Já o tofu pastoso é um produto cremoso e pode ser utilizado como um substituto para o creme de leite em muitas receitas.
Ele pode servir de base para molhos, ser usado como substituto do queijo ou creme de leite e ser servido em sopas e saladas. Vários tipos de tofu podem ser encontrado em supermercados e lojas de alimentos saudáveis. O tofu também está disponível na versão em pó.

3. Edamame

A soja da edamame é colhida quando os grãos ainda estão verdes e com um sabor doce. Pode ser servido como um lanche ou um prato principal vegetariano, depois de ferver em água levemente salgada durante 15 a 20 minutos. São ricos em proteínas e fibras e não contêm colesterol. Edamame é mais frequentemente encontrada em lojas de produtos asiáticos e naturais, sem casca ou com casca.

4. Proteína vegetal hidrolisada

A proteína vegetal hidrolisada é uma proteína obtida a partir de qualquer vegetal, incluindo a soja. A proteína é dividida em aminoácidos por um processo químico chamada hidrólise ácida. A proteína vegetal hidrolisda é um realçador de sabor que pode ser usado em sopas, caldos, molhos, aromatizantes e especiarias, vegetais enlatados e congelados, carnes e aves.

5. Produtos infantis

Alimentos à base de soja infantis são semelhantes a outras fórmulas infantis, exceto que o isolado de proteína de soja em pó é utilizado como base, no lugar do leite de vaca. Os carboidratos e gorduras são adicionados para atingir um fluido semelhante ao leite materno.

6. Lecitina

Extraída a partir de óleo de soja, a lecitina é utilizada na fabricação de alimentos como um emulsionante em produtos ricos em gorduras e óleos. As lecitinas em pó podem ser encontradas em lojas de produtos naturais e saúde alimentar.

7. Proteína de soja texturizada

Alimentos à base de soja alternativos à carne são a proteína de soja ou tofu e outros ingredientes misturados para simular vários tipos de carnes. Estas alternativas à carne são vendidas como alimentos congelados, enlatados ou secos. Geralmente, eles podem ser usados ​​da mesma forma, com os mesmos temperos que os alimentos que substituem.
Com tantas alternativas à carne diferentes disponíveis aos consumidores, o valor nutricional destes alimentos varia consideravelmente. Geralmente, eles são mais baixos em gordura, mas é importante ler o rótulo para ter certeza. As proteínas de soja texturizadas são excelentes fontes de proteína, ferro e vitaminas do complexo B.

8. Missô

Missô é um condimento salgado que caracteriza a essência da culinária japonesa. Os japoneses fazem sopa de missô e utilizam para dar sabor a uma variedade de alimentos e receitas. O missô é feito a partir da soja e grãos como o arroz, além de sal e depois envelhecido em tonéis de cedro por um a três anos. Devem ser mantidos bem refrigerados. Você pode usar o missô para dar mais sabor a sopas, molhos, marinadas e patês.

9. Natto

Natto é feito de grãos integrais de soja fermentados, cozidos. No processo de fermentação, a soja quebra as proteínas complexas dos grãos, portanto, natto é mais facilmente digerido do que o grão da soja inteiro. Tem um revestimento viscoso e uma textura de queijo. Nos países asiáticos, natto tradicionalmente é servido por cima do arroz, em sopas missô e também usado com legumes. Natto pode ser encontrado em lojas de produtos asiáticos e naturais.

10. Sobremesa de soja congelada

A sobremesa de soja congelada é feita a partir de leite de soja ou iogurte de soja. O sorvete de soja é uma das sobremesas mais populares feitas a partir da soja e pode ser encontrado em lojas de alimentos naturais.

11. Queijo de Soja

O queijo de soja é mais um dos alimentos à base de soja feitos a partir de leite de soja. Sua textura cremosa torna-o um substituto ideal para creme de leite ou cream cheese e pode ser encontrado em uma variedade de sabores em lojas de produtos naturais. Os produtos feitos com queijo de soja pode ser usados em pizzas e outras receitas.

12. Fibra de Soja

Existem três tipos básicos de fibra de soja: Okara, farelo de soja e fibra de isolado de soja. Todos estes produtos são de alta qualidade, de baixo custo de fontes de fibra dietética. Okara é uma fibra de polpa de subproduto de leite de soja. Tem menos proteína do que feijões de soja inteiros, mas a proteína restante é de alta qualidade. Okara tem gosto similar ao coco e pode ser cozido ou adicionado como fibra de granola e cookies. Okara também pode ser utilizada para fabricação de salsicha. Procure-o em lojas de alimentos naturais.
O farelo de soja é feito a partir de cascas, geralmente o revestimento exterior do feijão de soja, o qual é removido durante o processamento inicial. A casca contém um material fibroso, que pode ser extraído e depois refinado para uso como ingrediente alimentar. A fibra de isolado de soja, também conhecida como proteína de fibra estruturada, é a proteína de soja isolada sob uma forma fibrosa.

13. Farinha de Soja

A farinha de soja é feita a partir de feijões de soja torrados e moídos convertidos em um pó fino. Existem três tipos de farinha de soja disponíveis: a natural ou com a gordura total, que contém os óleos naturais encontrados na soja; a desengordurada, que tem os óleos removidos durante o processamento; e a lecitinada, que teve lecitina adicionada na fabricação.
Todas as farinhas de soja são ricas em proteína e ideais para o preparo de diferentes receitas. No entanto, a farinha de soja desengordurada é uma fonte ainda mais concentrada de proteína. Embora usada principalmente pela indústria alimentar, a farinha de soja pode ser encontrada em lojas de produtos naturais e alguns supermercados. Ela é livre de glúten, portanto ao realizar pães com essa farinha é comum que fiquem com uma textura mais compacta. Pode ser usado como um substituto da farinha de tigo em receitas de muffins, bolos, biscoitos, panquecas e pães rápidos.

14. Grãos de soja

Os grãos de soja são semelhantes a farinha de soja, exceto que os feijões de soja foram torrados e partidos em pedaços grossos, e não moídos em pó. Os grãos de soja podem ser utilizadas como um substituto para a farinha em algumas receitas. Rica em proteínas, os grãos de soja são alimentos à base de soja que podem ser adicionados ao arroz e outros grãos.

15. Proteína de soja concentrada

A proteína de soja concentrada vem em flocos de soja desengordurados. Ela contém cerca de 70% de proteína, mantendo a maioria da fibra dietética do feijão.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...